Evite a enxaqueca no verão

 

O verão está quase chegando ao fim, mas as temperaturas estão altas e algumas pessoas se esquecem de tomar alguns cuidados simples para evitar problemas enxaquecosos que podem atrapalhar o dia a dia! É muito comum o exagero na bebida, na alimentação e no sol.

Se você quiser evitar esses transtornos ou amenizar os efeitos de forma rápida e eficaz, confira algumas dicas práticas.

Queimaduras de sol – Se você não se protegeu do sol e agora está com a sensação de pele ardida, uma das alternativas é o uso do hidratante para refrescar a pele. Para o rosto, podem ser usadas compressas frias com chá de camomila.

Se as queimaduras forem muito fortes, pode ser necessário o uso de loções associadas a anti-inflamatórios e analgésicos. Mas estes medicamentos devem ser indicados por um médico.

E se mesmo depois dessa “queimada” você quiser voltar ao sol, o ideal é se proteger com bonés, roupas leves e um filtro solar com alto fator de proteção, tanto para os raios UVA, quanto para os UVB. Também é bom evitar o período do dia com sol mais intenso: prefira sempre se expor ao sol antes das 10h e depois das 16 horas!

Exagero com bebidas – Se depois de uma semana de trabalho você não fica sem uma cerveja ou outra bebida, confira 4 dicas fundamentais para evitar a embriaguez e a ressaca:

1- Não consuma bebidas alcoólicas em jejum;
2- Cuidado com os coquetéis estimulantes, como a combinação uísque e bebidas energéticas. Cada substância tem sua propriedade e o real efeito dessa mistura é desconhecido;
3- Intercalar o consumo do álcool com água é imprescindível, já que ele provoca desidratação e diminui a produção do hormônio antidiurético, que segura a água no organismo;
4- Se você não conseguiu se controlar e a ressaca está forte, tome um banho morno ou frio para acordar e beba muita água. Faça uma refeição leve e evite doces.

Desidratação – Para evitar a desidratação, abuse do consumo de água. Se alimentar a cada três horas e diminuir o volume de alimentos ingeridos também é essencial. Confira outras dicas:
– Use roupas claras e leves;
– Não consuma bebidas quentes;
– Evite o excesso de esforço físico;
– Além da água, é indicado consumir também a água de coco, isotônicos e sucos naturais.

Alimentação – Uma alimentação adequada é a base de uma vida mais saudável. Siga 5 Dicas de Alimentação do Enxaqueca Não para não engatilhar as crises!
Saiba o que consumir:

1- Dê preferência a refeições leves à base de carboidratos, que mantêm o pique e ainda dão energia;
2- Fuja das frituras e alimentos gordurosos;
3- Prepare um lanche leve, rico em carboidratos como um bolo de chocolate, por exemplo, além de uma fruta, para consumir antes de sair de casa;
4- Leve uma barra de cereais para o trabalho ou para o passeio. Ela vai ser seu combustível reserva para você não ficar muito tempo sem comer nada;
5- Evite carnes mal passadas ou cruas (carpaccio, sushi e sashimi) para reduzir o risco de uma intoxicação alimentar.

Pés – Os pés sofrem bastante durante o dia de trabalho. Para evitar dores e bolhas que podem atrapalhar a vida, use um calçado confortável, que não provoque atritos e não aperte nenhuma área do pé.
Ao chegar em casa, você pode colocar os pés em uma bacia com água morna e sais por 15 minutos. Isso alivia a tensão e ameniza dores.

Siga as dicas e evite a enxaqueca e as situações enxaquecosas.

Fonte: com informações do portal Terra

 

Relacionados