Principais informações sobre a enxaqueca

Prevenção da enxaqueca

Nos dias de hoje, as pessoas vivem continuamente em tensão, dormem pouco, se alimentam mal, trabalham excessivamente e ...

Saiba mais

Mais de 80% das pessoas que sofrem de dor de cabeça se automedicam

Os riscos da automedicação Os riscos da automedicação são o principal alerta da Sociedade Brasileira de Cefaleia. D...

Saiba mais

Descubra seus gatilhos

Quais os gatilhos alimentares que podem provocar crises de enxaqueca em você? Entre as muitas causas da enxaqueca, a al...

Saiba mais

O sono de má qualidade é um fator ‘enxaquecoso’!

Dormir bem, em ambiente escuro e silencioso, é muito importante para todo mundo. Para os enxaquecosos o sono reconstrut...

Saiba mais

Novidades

Veja mais

Atenção com a quantidade de café

De onde vêm as dores de cabeça Veja dicas que ajudam a identificar o problema

De onde vêm as dores de cabeça?

A enxaqueca pode aumentar as chances de uma paralisia facial?

Informação, prevenção e tratamento:
conheça os passos contra a enxaqueca

O que é enxaqueca?

Quantos tipos de dores de cabeça existem?

Como se trata a enxaqueca?

Além do tratamento medicamentoso, quais tratamentos alternativos podem auxiliar na melhora da enxaqueca?



Enxaqueca e Arte

A influência da doença na obra de artistas e pensadores

Lewis Carrol
Van Gogh
Michelangelo

Lewis Carrol

Romancista, contista, fabulista, poeta, desenhista, fotógrafo, matemático e reverendo anglicano britânico. Lecionava matemática no Christ College, em Oxford. É autor do clássico livro Alice no País das Maravilhas, além de outros poemas escritos em estilo nonsense ao longo de sua carreira literária, que são considerados políticos, em função das fusões e da disposição espacial das palavras, como precursores da poesia de vanguarda.


Vincent Willem van Gogh

Pintor pós-impressionista neerlandês. Sua produção inclui retratos, autorretratos, paisagens e naturezas-mortas de ciprestes, campos de trigo e girassóis. Desenhava desde a infância, mas deu início às atividades de pintura somente ao fim dos seus vinte anos. Muitos de seus trabalhos mais conhecidos foram finalizados durante os dois últimos anos de vida. Em pouco mais de uma década, produziu mais de 2.100 obras de arte, incluindo 860 telas a óleo e cerca de 1.300 aquarelas, desenhos, esboços e gravuras.


Michelangelo di Lodovico Buonarroti Simoni

Mais conhecido simplesmente como Michelangelo, foi um pintor, escultor, poeta e arquiteto italiano, considerado um dos maiores criadores da história da arte do ocidente. Desenvolveu o seu trabalho artístico por mais de setenta anos entre Florença e Roma, onde viveram seus grandes mecenas, a família Medici de Florença, e vários papas romanos. Iniciou-se como aprendiz dos irmãos Davide e Domenico Ghirlandaio em Florença. Tendo o seu talento logo reconhecido, tornou-se um protegido dos Medici, para quem realizou várias obras. Depois fixou-se em Roma, onde deixou a maior parte de suas obras mais representativas. Sua carreira se desenvolveu na transição do Renascimento para o Maneirismo, e seu estilo sintetizou influências da arte da Antiguidade clássica, do primeiro Renascimento, dos ideais do Humanismo e do Neoplatonismo, centrado na representação da figura humana e em especial no nu masculino, que retratou com enorme pujança.